José Carlos Oliveira: um sábio na Patetocracia

1459522027-carlinhos

José Carlos Oliveira ( foto do Arquivo Secult – ES)

Nascido na ilha de Vitória, em 1934, José Carlos  Oliveira foi um  escritor produtivo, corajoso e transgressor (em um momento em que  transgredir era um ato perigoso); tendo escrito para o Jornal do Brasil por mais de 20 anos. Durante os Anos de Chumbo, ele foi uma voz crítica e irônica que ousou, na escrita, encarar a sombra do regime militar.

Depois de décadas de ausência, J. C.  Oliveira retorna à terra natal. Desenvolve na Universidade Federal do Espírito Santo (Ufes), o projeto Escritor Residente . Ironia do destino, voltou à sua terra para a despedida final. O notável escritor viria a falecer no dia 13 de Abril de 1986.

Pouco conhecido fora dos círculos acadêmicos, José Carlos Oliveira é um autor que faz jus a uma maior divulgação e valorização por parte de capixabas e demais concidadãos brasileiros.

Nessa oportunidade, apenas farei a apresentação desse escritor que deveria dispensar apresentações. Contudo, num país que esquece facilmente os seus filhos mais talentosos, faz-se necessário este nosso esforço.

A obra de José Carlos  Oliveira:

Romances:

O Pavão Desiludido, de 1972;

Terror e Êxtase, de 1978;

Um Novo Animal na Floresta, de 1981;

Domingo, 22, de 1984).

 Coletâneas de crônicas:

Os Olhos Dourados do Ódio, de 1962;

A Revolução das Bonecas, de 1967;

O Saltimbanco Azul, de 1979;

Bravos Companheiros e Fantasmas, de l986.

Diário da Patetocracia (coletânea póstuma organizada por Bernardo de Mendonça), 1995

 

Vale a pena conhecer mais este talentoso escritor.  Recomendo:

http://www.secult.es.gov.br/noticias/22516/encontro-na-biblioteca-lembra-os-30-anos-da-morte-de-jose-carlos-oliveira.html

http://www.graphia.com.br/diversos/diariocrit.php

http://tertuliacapixaba.com.br/index.htm

Depoimentos em vídeo:

Documento audiovisual produzido por Pedro J. Nunes, escritor residente da Biblioteca Pública do Espírito Santo

Agradeço a sua visita!

Antonio Neto

Santa Maria de Jetibá, 27 de novembro de 2016.

Anúncios

Sobre antoniopneto

Professor de Língua Portuguesa, contista e cronista.
Esse post foi publicado em autores do Espírito Santo, crônicas e marcado , , , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s